sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

Animus

Essa palavra é originária do latim significa alma, espírito, sopro divino. É o que dá vida aos corpos de todos os seres. Essa essência original e ao mesmo tempo similar a todas as outras em alguns aspectos, é nosso ponto de partida e de saída dessa vida.
Nossa jornada também deve começar por aí, internamente, percebendo-nos, nos conhecendo. Algumas coisas conseguimos mudar em nós ao longo dos anos mas outras não, por que será? Até que ponto conseguimos realmente nos aperfeiçoar?! É o animus que determina isso ou fica por conta de nossa força de vontade!? Talvez simplesmente não se consiga pular etapas, ou seja, não se consegue aperfeiçoar certos desvios antes de outros(que nem percebemos como tais).

O ser humano tem muitas dúvidas e curiosidade em relação ao que chamamos de alma. De acordo com que o tempo passa vamos nos percebendo mais e assim, quem sabe, chegará o momento da revelação e visualizaremos nosso verdadeiro animus.

2 comentários:

Raphael de Souza Araujo Lima disse...

Tomará.

Raphael de Souza Araujo Lima disse...

tua visita no Grão é sempre uma grande satisfação!

Beijão!