sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Magia - por Hermann Hesse



“Nada  está for a, nada está dentro. Pois o que está fora, está dentro”.
“- Nada está fora, nada está dentro. O significado teológico tu o conheces tão bem quanto eu. Deus está em toda parte. Ele está nos espíritos e na natureza. Tudo é divino porque Deus está em tudo e para Ele não existe fora nem dentro. Está identificado com todas as coisas. A isso chamavam outrora de Panteísmo. Vamos agora ao conceito filosófico: a separação de dentro e fora é um hábito mental mas não é forçosamente necessária. Existe para o nosso espírito a possibilidade de transcender as fronteiras que lhe foram traçadas e atingir o Além. E é para além dos limites do nosso mundo e da sua estrutura de pares de opostos e antagônicos, como o Bem e o Mal, o Belo e o Feio e tantos outros, que se abrem novos  e diversos conhecimentos.... E é nesse ponto que começa aquilo que tu mais temes e detestas: a Magia.”(fragmento do conto “Dentro e Fora” do livro “O livro das fábulas” de Hermann Hesse)